Teresina, 23 de maio de 2024
Logotipo do grupo DO POVO de Comunicação
BroadCast DO POVO. Serviço de notícias para veículos de comunicação com disponibilzação de conteúdo.
Pesquisar
Close this search box.
PUBLICIDADE

‘Até o final dos meus dias eu jamais me aliarei ao PT’, diz senador Ciro Nogueira

Ciro Nogueira tem feito declarações fortes em oposição ao PT. A cada dia, o ex-ministro de Bolsonaro se mostra mais alinhado com a direita e cada vez mais distante do presidente Lula.
Ciro Nogueira faz declarações contundentes e nega aliança com o PT: "até o final dos meus dias"
Declarações tornam Ciro Nogueira o mais contundente opositor do PT. Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Em entrevista recente ao jornal Folha, o senador Ciro Nogueira, presidente do Partido Progressista (PP) e ex-ministro do governo Jair Bolsonaro, fez declarações fortes, refutando uma possível aliança com o Partido dos Trabalhadores (PT) e criticando a articulação política de Lula.

Em relação à possibilidade de se unir ao PT, Nogueira foi enfático, afirmando que nunca se aliará ao partido, mesmo com a vontade expressa de uma parcela do PP de integrar a base de apoio do governo Lula. “Acredito que até o final dos meus dias eu jamais me aliarei ao PT”, declarou Nogueira.

O senador também se posicionou criticamente quanto à articulação política de Lula no Congresso, caracterizando-a como “desastrosa” e “infantil”. Ele chegou a comparar a situação como se um membro da oposição estivesse operando diretamente do Palácio do Planalto.

Nogueira também se manifestou sobre a possibilidade de inelegibilidade do ex-presidente Bolsonaro pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Para o senador, tal medida seria uma injustiça e, se concretizada, criaria um líder político sem precedentes na história do país.

O presidente do PP ainda mencionou o governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, como um provável candidato à presidência, no caso de Bolsonaro se tornar inelegível.

Quanto à posição do PP na atual conjuntura política, Nogueira defendeu que o partido deveria se manter na oposição, apesar da tentativa de alguns parlamentares do PP de se alinharem ao governo atual para ocupar cargos.

Sobre indicações para cargos governamentais, Nogueira confirmou ter sido sondado por membros do governo Lula para manter indicados em posições, mas rejeitou a proposta. Segundo ele, tal ato não impediria o PP de exercer oposição ao atual governo.

Ciro Nogueira descarta conversar com Lula

Ciro Nogueira descartou a possibilidade de conversar com o presidente Lula. Nogueira revelou ter sido procurado por intermediários para um encontro, mas negou o convite.

Segundo o senador, apesar de respeitar e ter carinho pelo atual presidente da República – de quem já foi aliado – ele entendeu que uma conversa como essa teria o propósito de tentar uma aproximação política, buscando apoio do PP ao PT, o que Ciro Nogueira categoricamente descarta. “Isso em nenhuma hipótese irá acontecer”, afirmou.

Essas declarações reforçam o posicionamento de Ciro Nogueira como um opositor contundente ao governo Lula e ao Partido dos Trabalhadores, mantendo sua postura política dentro do centro-direta.

PUBLICIDADE
CONTEÚDO RELACIONADO
PUBLICIDADE
VEJA TAMBÉM
ÚLTIMAS
PUBLICIDADE
CONTEÚDO RELACIONADO
PUBLICIDADE
VEJA +

Notícias

Institucional

Para você

Notícias

Institucional

Para você