Teresina, 28 de maio de 2024
Logotipo do grupo DO POVO de Comunicação
BroadCast DO POVO. Serviço de notícias para veículos de comunicação com disponibilzação de conteúdo.
Pesquisar
Close this search box.
PUBLICIDADE

A dívida bilionária da Venezuela com o Brasil

A dívida da Venezuela com o Brasil atinge US$ 1,2 bilhão, resultante do inadimplemento em exportações brasileiras. A visita do presidente Nicolás Maduro ao Brasil traz esperanças de solucionar essa questão complexa.
Dívida da Venezuela com o Brasil passa de 1 bilhão de dólares.
Dívida: Lula já afirmou ter certeza que Venezuela vai pagar. Foto: Marcelo Camargo

A dívida da Venezuela com o governo brasileiro atingiu a marca de US$ 1,2 bilhão, de acordo com informações do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), conforme relatado pelo G1. Esta dívida é resultado do inadimplemento em exportações brasileiras de bens e serviços que contrataram o Seguro de Crédito à Exportação, lastreado no Fundo de Garantia à Exportação (FGE).

A maior parte dessas operações foi financiada pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), com o restante ocorrendo por meio de financiadores estrangeiros. Em ambos os casos, o devedor é a Venezuela.

A visita de Maduro e a questão da dívida

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, está no Brasil para a cúpula de líderes da América do Sul. Durante sua visita, ele participou de um encontro com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no Palácio do Planalto, e de um almoço no Palácio do Itamaraty, sede do Ministério das Relações Exteriores do Brasil, em Brasília.

Quando questionado sobre a dívida venezuelana com o Brasil, Maduro afirmou que uma comissão bilateral “vai estabelecer a verdade”.

Fundo Garantidor

Do total de débitos da Venezuela junto ao governo brasileiro, a maior parte já foi coberta pelo FGE. O valor já indenizado pelo Fundo de Garantia à Exportação é de US$ 1.09 bilhão, enquanto as indenizações que ainda serão pagas pelo FGE somam US$ 53,9 milhões.

Parte da dívida da Venezuela com o Brasil diz respeito a financiamentos via BNDES. Nesse tipo de operação, os recursos são destinados ao exportador brasileiro de bens ou serviços, em reais, após a comprovação das exportações brasileiras. Em caso de inadimplência do devedor, a estrutura de garantias é acionada e o BNDES é ressarcido, por exemplo, pelo Fundo de Garantia à Exportação.

Confiança na quitação da dívida

Em fevereiro, durante a cerimônia de posse de Aloizio Mercadante como presidente da instituição, o presidente Lula expressou sua confiança de que a Venezuela quitaria as dívidas com o BNDES durante o seu governo. “Eu tenho certeza que, no nosso governo, esses países vão pagar, porque são todos países amigos do Brasil e certamente pagarão a dívida que têm com o BNDES”, afirmou Lula.

Conclusão

A dívida da Venezuela com o Brasil é uma questão complexa que envolve bilhões de dólares e várias instituições financeiras. A visita do presidente Maduro ao Brasil e sua promessa de estabelecer a verdade sobre a dívida são passos importantes para resolver essa questão. No entanto, a solução final dependerá de negociações bilaterais e do compromisso da Venezuela em honrar suas obrigações financeiras.

PUBLICIDADE
CONTEÚDO RELACIONADO
PUBLICIDADE
VEJA TAMBÉM
ÚLTIMAS
PUBLICIDADE
CONTEÚDO RELACIONADO
PUBLICIDADE
VEJA +

Notícias

Institucional

Para você

Notícias

Institucional

Para você