Teresina, 25 de abril de 2024
Logotipo do grupo DO POVO de Comunicação
BroadCast DO POVO. Serviço de notícias para veículos de comunicação com disponibilzação de conteúdo.
Pesquisar
Close this search box.
PUBLICIDADE

Prefeito Gil Paraibano assina TAC que diz respeito ao encerramento do Lixão em Picos

A Prefeitura de Picos, na gestão do prefeito Gil Paraibano, assinou na manhã da última terça-feira (28), junto ao Ministério Público, por meio da 7ª Promotoria de Justiça de Picos, o Termo de Ajustamento de Conduta – TAC, que diz respeito ao Projeto “Zero Lixões: Por um Piauí mais Limpo’. A medida foi determinada com base no Artigo 225 da Constituição Federal de 1988, e no Artigo 3°, I, da Lei n° 6.938/81, que considera que todos têm o direito de um meio ambiente equilibrado.

É importante ressaltar que o prefeito Gil Paraibano desde suas gestões passadas vem lutando para solucionar os problemas causados pelos lixões em Picos. O mesmo foi responsável pela desativação do Lixão que ficava localizado na Altamira, causando transtornos para a população que vivia nas imediações. Logo, o gestor realizou a compra do terreno na Comunidade Val Paraíso para que o lixão fosse transferido para essa região, que ficava na saída da cidade, uma área alta, que não corria o risco de danificar os lençóis freáticos do município. E nesta atual gestão, o prefeito Gil Paraibano, vai implementar a Usina de Resíduos Sólidos, pois com a adesão, o município assumiu a obrigação de, no prazo de 10 meses, abster-se de destinar os resíduos gerados em Picos para lixões, aterros controlados, ou outras formas não autorizadas pela Lei nº 12.305/2010.

O Procurador Geral do Município, Dr. Antônio José de Carvalho Júnior, destacou a preocupação que o prefeito Gil Paraibano tem para com essa questão. “Esse TAC é mais uma etapa da luta travada pelo Prefeito Gil, não de hoje, mas também de outros mandatos, numa clara demonstração de consciência e responsabilidade ambiental. Existe a necessidade de adequação e o prefeito está dando apoio integral para que o projeto seja realizado e, com isso, haja a devida adequação na destinação dos resíduos e dejetos de toda a cidade para um local tecnicamente controlado e apto, inclusive, a gerar renda e desenvolvimento, o que será feito com a implantação de usinas de reciclagem posteriormente naquele local”, pontuou.

Procurador-geral do Município de Picos, Dr. Antônio José de Carvalho Júnior (Foto: Maria Ivonete)

O processo de licitação de uma empresa especializada para tratar da disposição final dos resíduos sólidos do município já está em andamento.

Veja a TAC na íntegra!

TAC ENCERRAMENTO LIXÃO ATERRO SANITÁRIO

PUBLICIDADE
CONTEÚDO RELACIONADO
PUBLICIDADE
VEJA TAMBÉM
ÚLTIMAS
PUBLICIDADE
CONTEÚDO RELACIONADO
PUBLICIDADE
VEJA +

Notícias

Institucional

Para você

Notícias

Institucional

Para você