Teresina, 23 de maio de 2024
Logotipo do grupo DO POVO de Comunicação
BroadCast DO POVO. Serviço de notícias para veículos de comunicação com disponibilzação de conteúdo.
Pesquisar
Close this search box.
PUBLICIDADE

Associação dos auditores se solidariza com Admilson Brasil e destaca atuação do secretário

AFIMTE, Associação dos Auditores Fiscais, manifestou apoio ao secretário de Finanças de Teresina, Admilson Brasil Lustosa, por meio de uma nota. "O cobertor é curto, as necessidades grandes e as pressões enormes", diz o texto.
Admilson Brasil Lustosa
Admilson Brasil Lustosa recebe apoio da Associação dos Auditores.

A Associação dos Auditores Fiscais do Município de Teresina (AFIMTE) expressou nesta quarta-feira (12) sua solidariedade ao secretário de Finanças da Prefeitura de Teresina, Admilson Brasil Lustosa, enfatizando o impacto significativo de seu trabalho durante um período de dificuldades econômicas.

Segundo a AFIMTE, Admilson Brasil tem se esforçado “incansavelmente” para impulsionar a receita do município em meio à queda das receitas.

‘Função de Secretário de Fazenda é muito ingrata’, diz nota

O comunicado da Associação destaca os obstáculos recentes enfrentados por Teresina, incluindo uma mudança no rateio do ICMS que prejudicou seriamente a cidade, embora parte dela tenha sido revertida judicialmente.

Além disso, uma decisão normativa do Tribunal de Contas da União (TCU), efetiva desde 4 de julho, alterou a cota do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), diminuindo o coeficiente de 6,25 para 4,0. Esta mudança levou a perdas milionárias na arrecadação, as quais foram combatidas com competência e determinação pelo secretário de Finanças.

A AFIMTE expressou que o papel de um Secretário de Fazenda (Finanças) pode ser ingrato, pois como guardião dos fundos públicos e garantidor do equilíbrio fiscal, o ocupante do cargo é frequentemente forçado a recusar solicitações financeiras. “Ele é obrigado a dizer muitos nãos”, diz a nota.

A associação reconheceu a grande pressão que o secretário e outros líderes governamentais enfrentam, especialmente durante tempos de crise. “A angústia de não poder atender às justas demandas, aliada ao crescente assédio das reivindicações próprias da época de crise que vivemos, podem exacerbar os ânimos, não só do secretário, mas também das pessoas que necessitam e muitas vezes não têm seus pleitos atendidos”, lê-se na nota.

AFIMTE expressa preocupação

A AFIMTE concluiu sua declaração enfatizando a importância crucial do trabalho do Dr. Admilson para Teresina, especialmente em tempos de adversidade. A associação advertiu que qualquer mudança de liderança neste momento crítico poderia ter consequências muito negativas para a cidade. “A AFIMTE presta solidariedade ao secretário, na certeza de que qualquer mudança de comando, na atual conjuntura, pode levar a consequências muito nefastas para a cidade”, conclui a nota.

Confira a nota na íntegra:

A AFIMTE – Associação dos Auditores Fiscais do Município de Teresina vem manifestar solidariedade ao Dr. Admilson Brasil Lustosa Filho, secretário municipal de finanças, sobre o exercício de suas funções.

Toda a categoria é testemunha da sua dedicação e capacidade de trabalho.

Muito foi feito para aumentar a receita em uma conjuntura extremamente difícil. Recentemente tivemos a mudança no rateio do ICMS prejudicando seriamente Teresina e só parcialmente revertido na justiça.

Agora, desde 04/07, decisão normativa do TCU modificou a cota do FPM baixando o coeficiente de 6,25 para 4.0.

Todas essas modificações redundaram em perdas milionárias na arrecadação e foram combatidas com muita competência e determinação, mantendo os salários e pagando débitos a muito reclamados.

A função de Secretário de Fazenda é muito ingrata. Como guardião do cofre e assegurador do equilíbrio fiscal, base sem a qual nenhuma administração se sustenta, ele é obrigado a dizer muitos nãos.

Muitas são as demandas que lhe chegam, com certeza a grande maioria de muita justiça.

No entanto, o cobertor é curto, as necessidades grandes e as pressões enormes.

A angústia em não poder atender as justas demandas, aliado crescente assedio das reivindicações próprias da época de crise que vivemos podem exacerbar os ânimos, não só do secretário, mas também das pessoas que necessitam e muitas vezes não tem seus pleitos atendidos.

O trabalho de Dr. Admilson tem sido de grande valia para a cidade. Nessa conjuntura adversa seu trabalho se reveste de maior relevância ainda.

A AFIMTE presta solidariedade ao secretário, na certeza de que qualquer mudança de comando, na atual conjuntura, pode levar a consequências muito nefastas para a cidade.

PUBLICIDADE
CONTEÚDO RELACIONADO
PUBLICIDADE
VEJA TAMBÉM
ÚLTIMAS
PUBLICIDADE
CONTEÚDO RELACIONADO
PUBLICIDADE
VEJA +

Notícias

Institucional

Para você

Notícias

Institucional

Para você