Conecte-se conosco

Política

Nova etapa do Piauí Conectado prevê implantação de fibra óptica em 100% do estado

Publicado

em

Nova etapa do Piauí Conectado prevê implantação de fibra óptica em 100% do estado

Na comunidade Árvores Verdes, localizada na zona rural de Teresina, cerca de 200 famílias recebem orientações sobre cuidados para evitar a Covid-19 por meio de lives organizadas pelo Grupo de Mães Gaivotas que Voam Longe (GMGVL). A entidade desenvolve programas sociais para a comunidade que envolvem também cursos de qualificação profissional para os jovens. Esse trabalho só foi possível por causa da implantação de internet banda larga pela PPP Piauí Conectado.

“Antes da internet, não tínhamos como conseguir nada. Criamos redes sociais e recebemos até mais doações de alimentos”, revela Luciene Priscilla Cruz dos Santos, diretora do projeto, destacando as mudanças ocorridas com a chegada da tecnologia que agora estará presente em todos os 224 municípios piauienses.

A nova etapa da parceria público-privada (PPP) prevê a implantação de fibra óptica em 100% do estado. O termo aditivo que prevê a expansão foi assinado, nesta sexta-feira (7), pelo governador Wellington Dias, a superintendente da Suparc, Viviane Moura, e o diretor-presidente da SPE Piauí Conectado, Emerson Silva.

“Piauí Conectado é mais do que uma PPP de tecnologia. É uma parceria entre Estado e iniciativa privada que está promovendo a maior revolução digital do país”, diz a superintendente Viviane Moura. “O acesso à banda larga em todo o território é desenvolvimento social e inclusão como nunca foi visto para áreas de educação e saúde”, completa a gestora.

Desde a assinatura do contrato com o Governo do Piauí, por meio da Superintendência de Parcerias e Concessões (Suparc), a SPE Piauí Conectado cumpriu a meta de levar a tecnologia para 101 municípios com uma rede de mais de 1.500 km. “Nesta fase serão 123 municípios beneficiados com 6.052 km com uma rede de alta capacidade e previsão de finalizarmos a implantação até maio do próximo ano. Serão 900 pontos instalados em unidades do governo e praças públicas com a disponibilização de Wi-Fi gratuito para a população. Ao final desta fase, o Piauí terá uma das redes de comunicação mais modernas do mundo e estará preparado para todas as tecnologias futuras”, ressalta Emerson Silva.

Nos primeiros dois anos de implantação da Piauí Conectado, a cobertura de internet no Piauí cresceu 125%, um número bem acima da média brasileira que foi 22%. Com essa expansão, o estado ficará 100% conectado por meio de fibra ótica, gerando melhorias na prestação do serviço público e na qualidade de vida da população. Municípios como Brejo do Piauí, Esperantina, Lagoinha e até Nazária, desmembrado da capital, não tinham acesso à internet de fibra óptica.

 

“Estive em Guaribas recentemente e lá tem uma turma de alunos que está se formando em Administração. Eles não precisaram se deslocar para estudar, pois com a internet de alta velocidade tiveram acesso a tudo que precisaram. Uma cidade que antes passava fome, hoje tem suporte para ligar a população à educação”, comenta o governador Wellington Dias.

The post Nova etapa do Piauí Conectado prevê implantação de fibra óptica em 100% do estado appeared first on Governo do Piauí.

=
Com Informação do Governo do Piauí

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Déficit atuarial na Previdência da Prefeitura de Teresina passa de R$ 4 bilhões, diz presidente do IPMT

Publicado

em

IPMT apresenta déficit financeira e atuarial

Teresina – O presidente do Instituto de Previdência Municipal de Teresina, Kennedy Glauber, informou nesta quinta-feira (3) que a déficit atuarial do IPMT é de R$ 4,5 bilhões. Kennedy não informou a partir de quando esse déficit afetaria os pagamentos de aposentadorias e pensões de servidores.

Kennedy Glauber, presidente do IPMT, informou existir déficit aturial na ordem de R$ 4,5 bilhões.
Kennedy Glauber: “temos uma dificuldade muito grande nesse início de gestão”

Segundo o gestor, o Instituto possui também uma dívida financeira de R$ 152 milhões, o que indica que o IPMT já não consegue arcar com o pagamento das obrigações previdenciárias.

“O IPMT hoje tem uma dívida financeira de 152 milhões de reais é deixada pela gestão anterior, então nós temos feito as tratativas necessárias para que a gente possa estar vendo a melhor forma de estar recuperando esse recurso. Nós temos hoje no IPMT um déficit atuarial de 4,5 bilhões de reais recebemos na semana passada o relatório do atuário e temos realmente uma dificuldade muito grande nesse início de gestão.”

Kennedy Glauber, presidente do ipmt

O déficit atuarial é a projeção de que vai faltar dinheiro para pagar aposentadorias e pensões dos servidores municipais no futuro. Segundo a legislação, as avaliações atuariais anuais devem ser realizadas até 31 de dezembro de cada exercício.

Veja também

Continue lendo

Nacional

Fábio Wajngarten: o homem que pode eximir Bolsonaro ou condená-lo na CPI

Publicado

em

Por

Fábio Wajngarten depõe na CPI da Covid nesta quarta-feira(11)
Fábio Wajngarten | Foto Marcelo Camargo/Ag. Brasil
Sobre os ombros do ex-secretário de Comunicação da Presidência da República, advogado Fábio Wajngarten, pesa a responsabilidade de mudar os rumos da CPI da Covid no Senado Federal. Na primeira semana dos trabalhos da comissão, o governo Bolsonaro saiu derrotado em praticamente todos os depoimentos. Marcado para esta quarta-feira(12), o testemunho de Fábio Wajngarten pode […]
Continue lendo

Câmbio

Capa

Tempo

Caro leitor,

Diariamente você recebe dezenas notícias no seu whatsapp. Algumas são verdadeiras, outras não.

Por isso, é tão importante poder contar com uma fonte de informação confiável – e independente.

É isso que nós fazemos. Produzimos conteúdo. De relevância e com qualidade. Nós checamos as informações antes de publicar para que você receba apenas a verdade.

Nós analisamos os fatos para que você construa sua opinião. Nós entrevistamos pessoas, confrontamos autoridades e cobramos resultados do setor público.

O Jornal Diário do Povo faz jornalismo. E para fazer bem feito, nós precisamos do seu apoio. Assine o jornal. Custa pouco, mas vale muito. 

Banca de Jornal

Popular