Conecte-se conosco

Política

Educação piauiense enfrenta desafios na pandemia e promove mudanças de vidas

Publicado

em

Educação piauiense enfrenta desafios na pandemia e promove mudanças de vidas

No dia 28 de abril se comemora o Dia Mundial da Educação, data celebrada há mais de 20 anos para valorizar a importância da educação em todos os níveis, seja escolar, social ou familiar. Ainda que tenha sido severamente afetada pela pandemia, gestores públicos, gestores escolares, professores, estudantes e familiares do Piauí encontraram alternativas para driblar as dificuldades, por acreditar que a educação é o caminho para um mundo melhor e para uma sociedade mais justa e igualitária.

A data representa um compromisso realizado entre 180 países participantes do fórum mundial sobre o tema para que realizassem esforços políticos e financeiros para que a educação chegasse a todas as pessoas do planeta. No Piauí, desde o início da pandemia, o Governo do Estado e a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) vêm realizando um esforço conjunto para que este direito fosse assegurado a toda a sociedade.

Os professores da rede pública tiveram papel crucial neste período, adaptando-se às dinâmicas do ensino remoto e ensinando, além do conteúdo pedagógico, o protagonismo e autonomia aos estudantes.

O secretário de Estado da Educação, Ellen Gera, destacou a atuação dos profissionais da Educação. “No Dia Mundial da Educação nós precisamos reconhecer o valoroso trabalho de todos os profissionais do estado do Piauí, em especial, neste momento tão difícil que estamos vivendo, um período em que as escolas tiveram as aulas presenciais suspensas, mas que nossos professores, gestores escolares e todos que fazem a rede estadual de educação e as escolas do Piauí conseguiram manter a nossa educação ativa”, destacou o gestor.

As melhorias dos espaços físicos e a promoção da expansão do ensino público de qualidade, além do desenvolvimento econômico e social de todos os municípios piauienses, também tiveram um olhar especial nesse último ano.

O Estado recebeu a soma de R$ 1 bilhão e 652 milhões, recursos oriundos dos Precatórios do Fundef e maior investimento já realizado pelo Governo do Piauí. O montante foi conquistado na Justiça pelo Estado e já vem sendo aplicado integralmente nas escolas da rede estadual de todo o Piauí. Atualmente, cerca de 130 obras da rede física estão em execução e com a programação para mais 200 obras, somadas entre os projetos prontos, em licitação e em fase de análise.

Outra grande conquista pode ser comemorada nesta data. Aprovada pela Assembleia Legislativa, o governador Wellington Dias sancionou a lei nº 7.497/2021, publicada no Diário Oficial do Estado na terça-feira (20), que dispõe sobre a execução de ações voltadas para a redução do analfabetismo no Piauí e autoriza o pagamento de bolsas de estudos aos alfabetizandos que atendam às condições que estabelece. O PRO Alfabetização é uma iniciativa do Governo do Piauí para implementar, em regime de colaboração com os municípios, uma política de Estado para a alfabetização na idade certa.

Com o propósito de assegurar as condições necessárias para que todos os alunos piauienses cheguem ao fim do 2º ano do ensino fundamental com o domínio das competências de leitura, escrita e letramento matemático e, consequentemente, com habilidades para avançar nos estudos de forma autônoma, o programa pretende alfabetizar 200 mil jovens e adultos em 24 meses.

Para garantir ainda mais a conectividade dos alunos da rede estadual de ensino, a Seduc lançou recentemente um edital de pregão eletrônico para a aquisição de 10 mil tablets que, inicialmente, serão distribuídos entre as 658 escolas da rede. O investimento beneficiará estudantes da 3ª série do ensino médio regular e VII etapa da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

A ideia é repassar os tablets para estudantes em regime de comodato e, após a conclusão dos estudos ou fim das atividades remotas, os equipamentos permaneçam nas escolas e possam continuar sendo usados como material de apoio às atividades pedagógicas. Mesmo que o estudante não tenha acesso à internet em sua localidade, após ter recebido o tablet, ele poderá utilizar a ferramenta quando for até à escola devolver as atividades, podendo baixar vídeos, receber e enviar as atividades para o professor, utilizando a internet da escola.

O secretário da Educação lembra ainda, que no início do ano letivo de 2021, a Seduc distribuiu 180 mil chips para estudantes matriculados na rede e que a próxima meta é adquirir chips e notebooks para os professores.

Após a publicação do decreto 18.884, expedido pelo Governo do Estado em abril de 2020, que suspendeu as aulas presenciais em razão da pandemia da Covid-19, a Seduc deu início às aulas remotas transmitidas pelo Canal Educação para todos os estudantes da Rede Pública Estadual de Ensino do Piauí, seguindo as diretrizes do Plano de Ação Pedagógica.

O Canal Educação foi um importante eixo da Seduc que disponibilizou, e ainda disponibiliza, para os estudantes a transmissão de aulas remotas ao vivo por meio da plataforma do Canal Educação, YouTube, Facebook e podcast e também pela TV Antares (canal 2.1), em especial durante a vigência do decreto emergencial de combate ao novo coronavírus. Entre as ações desenvolvidas pelo Programa de Mediação Tecnológica no contexto de pandemia, o relatório divulgado em novembro de 2020 pela Coordenação de Operações do Canal Educação mostra números positivos.

No total, 9.325 aulas foram transmitidas ao vivo para as ofertas do ensino fundamental, médio, Educação de Jovens e Adultos (EJA), cursos técnicos e Enem (Preparatório e revisão). A estratégia adotada repercutiu em resultados positivos como os números de acessos ao Canal Educação, registrando 3.178.026 acessos de janeiro a novembro de 2020.

A educação do Estado celebra também a primeira etapa da entrega de 32 ônibus escolares do Programa Caminho da Escola, adquiridos com recursos do Orçamento Geral da União (OGU) 2020, via Bancada Federal do Piauí, e contrapartida do Governo do Estado. Os veículos foram repassados aos municípios do interior para garantir o acesso dos estudantes a todas as localidades. Ao todo, foram adquiridos 64 ônibus escolares para atender à demanda por Transporte Escolar Rural da Rede Estadual de Educação.

“Neste Dia Mundial da Educação precisamos reconhecer que ela é essencial para a garantia da cidadania e para o desenvolvimento do nosso país. A educação do Piauí não pode parar”, finalizou Ellen Gera.

The post Educação piauiense enfrenta desafios na pandemia e promove mudanças de vidas appeared first on Governo do Piauí.

=
Com Informação do Governo do Piauí

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Déficit atuarial na Previdência da Prefeitura de Teresina passa de R$ 4 bilhões, diz presidente do IPMT

Publicado

em

IPMT apresenta déficit financeira e atuarial

Teresina – O presidente do Instituto de Previdência Municipal de Teresina, Kennedy Glauber, informou nesta quinta-feira (3) que a déficit atuarial do IPMT é de R$ 4,5 bilhões. Kennedy não informou a partir de quando esse déficit afetaria os pagamentos de aposentadorias e pensões de servidores.

Kennedy Glauber, presidente do IPMT, informou existir déficit aturial na ordem de R$ 4,5 bilhões.
Kennedy Glauber: “temos uma dificuldade muito grande nesse início de gestão”

Segundo o gestor, o Instituto possui também uma dívida financeira de R$ 152 milhões, o que indica que o IPMT já não consegue arcar com o pagamento das obrigações previdenciárias.

“O IPMT hoje tem uma dívida financeira de 152 milhões de reais é deixada pela gestão anterior, então nós temos feito as tratativas necessárias para que a gente possa estar vendo a melhor forma de estar recuperando esse recurso. Nós temos hoje no IPMT um déficit atuarial de 4,5 bilhões de reais recebemos na semana passada o relatório do atuário e temos realmente uma dificuldade muito grande nesse início de gestão.”

Kennedy Glauber, presidente do ipmt

O déficit atuarial é a projeção de que vai faltar dinheiro para pagar aposentadorias e pensões dos servidores municipais no futuro. Segundo a legislação, as avaliações atuariais anuais devem ser realizadas até 31 de dezembro de cada exercício.

Veja também

Continue lendo

Nacional

Fábio Wajngarten: o homem que pode eximir Bolsonaro ou condená-lo na CPI

Publicado

em

Por

Fábio Wajngarten depõe na CPI da Covid nesta quarta-feira(11)
Fábio Wajngarten | Foto Marcelo Camargo/Ag. Brasil
Sobre os ombros do ex-secretário de Comunicação da Presidência da República, advogado Fábio Wajngarten, pesa a responsabilidade de mudar os rumos da CPI da Covid no Senado Federal. Na primeira semana dos trabalhos da comissão, o governo Bolsonaro saiu derrotado em praticamente todos os depoimentos. Marcado para esta quarta-feira(12), o testemunho de Fábio Wajngarten pode […]
Continue lendo

Câmbio

Capa

Tempo

Caro leitor,

Diariamente você recebe dezenas notícias no seu whatsapp. Algumas são verdadeiras, outras não.

Por isso, é tão importante poder contar com uma fonte de informação confiável – e independente.

É isso que nós fazemos. Produzimos conteúdo. De relevância e com qualidade. Nós checamos as informações antes de publicar para que você receba apenas a verdade.

Nós analisamos os fatos para que você construa sua opinião. Nós entrevistamos pessoas, confrontamos autoridades e cobramos resultados do setor público.

O Jornal Diário do Povo faz jornalismo. E para fazer bem feito, nós precisamos do seu apoio. Assine o jornal. Custa pouco, mas vale muito. 

Banca de Jornal

Popular