Conecte-se conosco

Cidades

Dia das Mães é comemorado no HUT com afeto e cuidado em meio à pandemia de Covid-19

Publicado

em

Dia das Mães é comemorado no HUT com afeto e cuidado em meio à pandemia de Covid-19

Afeto, coragem, fé e esperança são alimentos da alma para superar as dificuldades potencializadas em tempos de pandemia do novo coronavírus. Para driblar a saudade de entes queridos, profissionais dos serviços de medicina, enfermagem, fisioterapia, psicologia e serviço social do Hospital de Urgência de Teresina (HUT) criaram um projeto que aproxima de forma segura pacientes com a covid-19 e seus familiares.

Para participar dessa iniciativa, houve uma avaliação clínica e psicológica feita pelo corpo clínico do Hospital, que definiu os pacientes que estariam em condições clínicas e psicológicas para
receber essas visitas. Foram três dias que antecedem o Dia das Mães marcados por esses encontros depois de tanto tempo sem aproximação.

A ação aconteceu em formato drive thru na área externa do HUT, onde pacientes e familiares puderam se reencontrar a oito metros de distância, além da instalação de “cortinas do abraço” permitindo o abraço por seus familiares, tendo uma proteção plástica intermediando o toque físico.

Eduardo Moita, coordenador do serviço de psicologia do HUT, explica que “vivemos um momento de distanciamento físico e não social nesse período. Nossas interações sociais se voltam para os
dispositivos on-line, mas o contato é importante porque libera o hormônio do amor e faz as pessoas se sentirem importantes, seguras e amadas”.

“Queríamos oferecer a oportunidade de aproximar nossos pacientes de seus entes queridos e resgatar um pedaço de humanidade que estamos perdendo com a pandemia, está sendo muito bom poder dar esperança”, afirma Danila Vieira, coordenadora do serviço de Fisioterapia. A Covid-19 é uma doença que separa os familiares em um momento de dor e fragilidade devido ao isolamento social. Então, a família também precisa ser cuidada e acolhida e, com isso, fortalecemos os
vínculos entre os pacientes, familiares e equipe”, explica Fábio Marcos, diretor-geral do HUT.

Marta Ricelly, esposa do paciente Francisco Vieira, internado para tratar a doença, conta o que achou do projeto “Deus usou muito aqui das bênçãos aqui no HUT, só uma ligação não basta, é muito gratificante ver meu marido bem, esse gesto de aconchego proporcionado anima demais a gente”.

Dia das mães na pediatria

A equipe multidisciplinar da clínica pediátrica do HUT também realizou atividades alusivas ao Dia das Mães. Segundo a coordenadora de enfermagem da pediatria, Carla Parente, o objetivo foi promover a integração entre equipes e acompanhantes, bem como amenizar a experiência hospitalar para mães e crianças internadas. Na enfermaria pediátrica, mães e equipe puderam cantar e dançar num clima de acolhimento e alegria. Durante a ação, as mães ganharam chocolates e se divertiram com as brincadeiras e se emocionaram com os cartões confeccionados pelos filhos.

Carinho com as colegas de profissão

O cuidado com a equipe do Hospital também foi pensado, por meio de uma doação do Grupo JAP, será oferecido nesse domingo (9) um café da manhã especial para as mães servidoras que trabalham no Hospital.

Afeto e cuidado marcaram a comemoração do Dia das Mães no HUT Fotos(Ascom/HUT)

=
Com Informação da Prefeitura de Teresina

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

FMS realiza treinamento sobre protocolo de sífilis congênita para profissionais das maternidades

Publicado

em

Por

FMS realiza treinamento sobre protocolo de sífilis congênita para profissionais das maternidades

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) realiza nesta terça-feira, 19, a partir das 9h30, na Maternidade do bairro Buenos Aires, treinamento dos profissionais sobre o Protocolo da Sífilis Congênita, coordenado pelo neonatologista da Maternidade do Buenos Aires, Marcos Bitencourt. A ação faz parte da campanha Outubro Verde, que no terceiro sábado deste mês, é dedicado para mobilizações do Dia Nacional de Combate à Sífilis Congênita. Na rede municipal as ações serão desenvolvidas nas  demais maternidades até o dia 22.

A Campanha Outubro Verde promove visibilidade e conscientização sobre a sífilis congênita, doença infectocontagiosa que é caracterizada pela transmissão da sífilis da mãe para o feto ou para o recém-nascido. A campanha visa chamar a atenção da população para a importância do diagnóstico precoce e do tratamento da doença na gestante.

Na terça-feira (20) o treinamento acontece pela manhã na Maternidade Wall Ferraz, bairro Dirceu; na quarta-feira (21) a atividade é na Maternidade do bairro Satélite e dia 22 na Maternidade do bairro Promorar.

O treinamento tem como objetivo orientar os profissionais das maternidades sobre os procedimentos no atendimento à gestante e ao recém-nascido, com as orientações para o médico obstetra/plantonista, médico neonatologista, médico pediatra do ambulatório, enfermeiro, profissionais de laboratório, núcleo hospitalar de epidemiologia e farmacêutico.

A chefe do Núcleo de Epidemiologia Hospitalar da FMS, Vanessa Matos,  explica que o protocolo determina também o acompanhamento do tratamento da criança diagnosticada com  sífilis congênita. “Nesses casos quando a criança recebe atendimento ambulatorial é feito o atendimento até os 18 meses de vida dessa criança”, diz.

Fotos: Ascom FMS

=
Com Informação da Prefeitura de Teresina

Continue lendo

Cidades

SAAD Centro dá início ao projeto THE Limpa e realiza limpeza nas margens dos rios Parnaíba e Poti

Publicado

em

Por

SAAD Centro dá início ao projeto THE Limpa e realiza limpeza nas margens dos rios Parnaíba e Poti

A Superintendência das Ações Descentralizadas (SAAD) Centro deu início nesta segunda-feira (18) ao Projeto THE Limpa. A ação realizará a limpeza das margens dos rios Parnaíba e Poti em Teresina e tem como objetivo a preservação ambiental e da fauna na região.

De acordo com o superintendente da SAAD Centro, Roncalli Filho, 15 agentes de limpeza serão mobilizados para a rio Parnaíba e em um segundo momento seguiram para o rio Poti. No local, o grupo fará a captação de resíduos sólidos. O chefe da pasta frisou que os profissionais permanecerão reforçando a limpeza até que a região de competência da SAAD Centro esteja livre de lixo na margem do rio.

“Nossa equipe já esteve no local anteriormente fazendo a remoção dos aguapés que prejudicam a vida aquática do rio. Agora, vamos atuar em outra frente, que será a remoção de todo o lixo das margens, que afeta a vida dos animais e da própria população que vive no entorno. Esse é um compromisso da Superintendente e da Prefeitura com a preservação ambiental da cidade. Queremos aproveitar para pedir a atenção da população para essa conscientização sobre o meio ambiente e para o fato de que o descarte irregular do lixo é bastante prejudicial”, frisou Roncalli Filho.

O gerente de limpeza urbana na SAAD Centro, Paulo Eduardo, relatou que a ação foi organizada pois constatou-se um intenso descarte irregular de lixo na área, em um ponto que passou a prejudicar o bem-estar da fauna da cidade.

“Com a limpeza vamos evitar que a água carregue esses resíduos para dentro do rio e também vamos evitar acidentes com os animais, como tejos, iguanas e cobras como a jiboia. Em vistoria que fizemos avistamos uma iguana com o rabo decepado e acreditamos ter sido devido a esse lixo. Haviam muitos cacos de vidro, de garrafas quebradas e televisões velhas”, pontuou.

Segundo Paulo Eduardo, a limpeza começará na região próxima ao bairro Primavera, na zona Norte, que foi o local mais crítico identificado. O gerente também ressaltou que a coleta do lixo será feita de forma seletiva, com equipes distintas para plásticos, papel ou vidro, de forma que conforme o possível, o material será enviado para a reciclagem.

=
Com Informação da Prefeitura de Teresina

Continue lendo

Câmbio

Capa

Tempo

Caro leitor,

Diariamente você recebe dezenas notícias no seu whatsapp. Algumas são verdadeiras, outras não.

Por isso, é tão importante poder contar com uma fonte de informação confiável – e independente.

É isso que nós fazemos. Produzimos conteúdo. De relevância e com qualidade. Nós checamos as informações antes de publicar para que você receba apenas a verdade.

Nós analisamos os fatos para que você construa sua opinião. Nós entrevistamos pessoas, confrontamos autoridades e cobramos resultados do setor público.

O Jornal Diário do Povo faz jornalismo. E para fazer bem feito, nós precisamos do seu apoio. Assine o jornal. Custa pouco, mas vale muito. 

Banca de Jornal

Popular